segunda-feira, 21 de junho de 2010

Consort Embap Na TV UFPR:

http://ufprtv.wordpress.com/2010/06/02/de-ouvidos-consort-embap/

terça-feira, 17 de março de 2009



Então pessoal, vamos apresentar mais uma vez o espetaculo cênico "Um Homen", quem assistiu as apresentações do ano passado, irá perceber que houve uma reformulação em parte do texto e inclusão de novas cenas e idéias, no flyer acima constam todas as informações sobre a próxima apresentação, apareçam.

Obs: clique na imagem para observar melhor o Flyer.

domingo, 7 de setembro de 2008

Um Homem (Uma Casa e Seus Fantasmas)

Nesta Quarta Feira dia 03/09/2008, no auditório da escola de música e belas artes do Paraná, aconteceu o espetáculo Um Homem (Uma Casa e Seus Fantasmas) , criação coletiva baseada na idéia de Roberto Froes, o espetáculo apresenta a música aliada com a poesia e as artes cênicas, os textos são de Roberto Froes e Josemar Vidal, direção cênica de Rocio Infante, e a iluminação é de Hamilton Lucca (Eu) (hehehe) como subtituto de Alexandre Zampieri que está em turnê com o grupo teatral que participa, pelo estado do Paraná , o elenco de músicos e atores contou com:

Mariana Kolb - Mãe, Namorada
Roberto Froes - José
Josemar Vidal - José
Fernando Aguera - José
Luis Gontarski - José
Luiz Mello - José
Cosme de Almeida - José
Hamilton Lucca - José

Segue o pequeno texto que descreve a idéia do espetáculo:

Todos Possuem Uma História!

Os fatos que narramos neste espetáculo podem parecer estranhos para alguns, enquanto que, para outros, pode ser sua própria história. Neste enredo José, não é apenas um homem, ele é qualquer homem, e pode ter qualquer nome. Se mostrando com diversas formas e diversas vozes, mergulha em sua pluralidade para encontrar seu caminho, libertar-se de fraquezas que o tornam um autômato, um "não ser", sem vontade e sem opinião.
Em sua vida, como qualquer outra, há perdas, ganhos, vidas, mortes, erros e acertos, mas nenhum deles causado por sua própria vontade, pois vontade é algo que desconhece. Levado pelo vento que sopra das bocas e mentes de outros, perde-se em idéias alheias e prende-se a cicatrizes e dores da quais o corpo já não lembra. É José, é Manuel, é Mário, É Drummond, é Gullar...e é Maria, é Dora, Cecília e Cora...mas não é ele mesmo.


O espetáculo foi muito bem aceito, polêmico para alguns, instigante para outros, pode ter sido a imagem de sua própria história, das histórias dos josés, adoramos ter o feito, em breve vamos apresenta-lo de novo, então fiquem ligado para as divulgações, abraço.

quinta-feira, 31 de julho de 2008

Myspace


Confiram meu Myspace, no endereço www.myspace.com/hamiltonlucca . Abraço.

domingo, 9 de março de 2008

Obrigado a Todos os amigos e amigas, que puderam comparecer no show de estréia, para os que não estiveram nos prestigiando, espero que logo a gente consiga marcar mais um show, e ai sim com mais tempo vocês possam se agendar, mais uma vez eu agradeço a todos, foi muito bom para todos da banda esta experiencia , vida longa ao Rock.

sexta-feira, 29 de fevereiro de 2008

Conheci o Orides a algum tempo atrás, ele sempre foi apaixonado por música, e sempre gostou de tocar e cantar, lembro que ele gostava bastante de músicos regionais como Zé Ramalho, Zé Geraldo, bastante de música nativa gaúcha como João Chagas Leite, Wilson Paim etc..., o estilo de música que ele faz é este, meio puxado pro folk, pra música regional brasileira, finalmente ele conseguiu lançar o seu primeiro disco, muita sorte nessa Carreira Orides.

quinta-feira, 31 de janeiro de 2008

Um filósofo de peso
é desta sentença o autor:
o beijo é fósforo aceso
na palha seca do amor.

Saudade - um suspiro, uma ânsia,
uma vontade de ver
a quem nos vê à distância
com os olhos do bem-querer.

Por entre folhas de parra
e espigas de trigo novo
nasceu, chorando, à guitarra,
todas as dores de um povo.

É triste sofrer calado,
do resto do mundo ausente;
fica a gente consolado
cantando as mágoas que sente.

A saudade é calculada
por algarismos também:
distancia multiplicada
pelo fator "querer bem.''


Manuel Bastos Tigre (1882-1957).

Estes São Alguns Versos Deste Poeta pernambucano, de Grande Inspiração.